quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Feliz

Viver se podia chamar amar
O certo é ter certeza das incertezas
Corrente , fluxo , grandeza
Andar por aí
Voar nos sonhos
De que vez em quando
Voltamos à ser crianças
Cantar , chorar, rir e se encantar
Encontro de desencontros
Conto com meus contos
Canta quem quer
E assim se deseja algo
Como uma luz
Que segue na fervura da sua indecência
Vontade de acabar um poema
Que não consigo acabar
Simplesmente viver para poder amar.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Belas Atuações

Música e musa
Mesa e mesada
Debaixo da escada tem um bom livro
Leio e decoro
Percebo então que tudo é teatro
E o bom disso
É que este teatro é a vida
As vezes coagida
Há dias de paz e guerra
Mais paz , mais terra
E é vivendo que se aprende
Que um dia o teatro acaba
E tudo se encerra.

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Dia do fim
Finados
E achados
Para os mortos
Não resta nada
A não ser
Serem Negociados

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Escutando Beatles
Rindo por ser alegre
A boa vida me elege
Gente boa
Encanta até uma lebre

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

O fim dos tempos

E se tudo acontecesse de novo
Bombas cairiam no Japão
Homens teriam que serem crucificados
Ilustres seres iriam nascer
E morrer também
Todos os ventos e chuvas
Teriam a mesma direção

Por sinceridade não acredito nisso
Mas vai que eu estaria reescrevendo
Essas poesias e outras palavras
O modo mesmo é ser feliz
Sem contar que o presente é agora
O futuro também
E o passado se foi
Assim como minhas paixões platônicas
Elas seriam no máximo cômicas
Para não chorar de tristeza
Viveria esta mesma vida de novo
Sem medo de ser feliz
Apenas seria um palhaço
Que esqueceu de pintar seu nariz.

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Noite de dia
Dia de noite
A minha alma
Se espanta
De tanta gente santa
Santo pai
Santa mãe
Igual vai
Volta sempre
Por volta da serpente.

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

E o vento vem me abraçar
Eu chamo ele
Mas o fogo se expande
Chamo a Dona Água
Resolve tudo
Inclusive minha vontade de engolir-la
Ufa só faltou a terra
Então você manda nela
Que ela nunca mais erra.

domingo, 15 de agosto de 2010

Escuta sem saber o que eres
entre os seres retirantes
Nascem sem dívida amarrada
E também sabem pensar
Estou ouvindo Chico
E estou muito feliz.

domingo, 25 de julho de 2010

O rio se agita
Eu fico alegre e cogito
Será que eu existo?
Ou seria só um sonho?
Onde ponho minhas idéias
Minhas emoções
Porque eu sou o próprio rio
Não o de janeiro
Nem o grande do sul , nem o do norte
Sou o rio
Que sabe sorrir
Sabe existir
Sabe o que é bom
Sabe assistir , ouvir , dançar
Um belo som.

sábado, 24 de julho de 2010

De vez em quando me sinto solitário
Um homem sem destinatário
Mas com todas as correntes libertas
Abertas , somente abertas
Achar não é fácil
Mas nem que seja no final do segundo tempo
Encontro uma companhia
Que me deixa alegre hoje e todo dia.

segunda-feira, 19 de julho de 2010

10000000%

Cem por cento
Mil por cento
Tanto importa
O que importa é essa alegria minha
Que insiste em se expandir
Se dirige para todos os cantos
Em todos os cânticos
Estou do seu lado
E ao mesmo tempo estou voando
Se um dia alguém me ouvir assobiar
Pode ter certeza
Esse é Ossabiá.

domingo, 11 de julho de 2010

Onde será?
Alguém viu as cores do Brasil
Não foi ela
Muito menos eu

Então digo
Tudo apareceu
E tudo se esqueceu
Onde será?

O mudo falou
O cego enxergou
O surdo ouviu
As vozes do nosso povo
As vozes do Brasil

segunda-feira, 5 de julho de 2010

eu queria postar aqui
mas não devia ir
deu somente para alguém rir
hahaha
eu sou o palhacinho que estoura pedras
viu
num ficÔ uma %$*&**(¨
tchau

sábado, 19 de junho de 2010

Conjugação do samsara

Eu nasci
Eu nascerei
Eu morrerei
Algum dia
Essa é a minha ordem
Essa é a minha lei.

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Toda noite tem luar e todo dia o Sol acorda

Olhei para o Sol
Olhei para a Lua toda nua
Falaram que nesses lugares
Se jogava futebol
E quanto a Lua
Disseram que ela é sua
Sua de quem?
Existem duas opções:
De alguém ou de ninguém.

terça-feira, 15 de junho de 2010

É hoje
ou foi no passado
Ou será no futuro
Só sei que tudo é um presente
Até o tempo ausente
Feliz , feliz e contente

segunda-feira, 14 de junho de 2010

copo na copa



copa do mundo
copa da árvore
copa de casa
casa da copa
opa, opa , opa
Olha o Brasil aí gente!!!
vai ganhar esta copa;
Primeiro, porque brasileiro tem pé crente
E segundo ,porque o brasileiro é muito , mas muito crente.

Brasil
Rumo ao hexa.

domingo, 13 de junho de 2010

Estou de calça jeans sobre a cama
Eu levanto
E mamãe me chama
O que será que aconteceu meu Deus?
Era simplesmente o que ela queria dizer:
Filho! mamãe te ama!

domingo, 6 de junho de 2010

coisas explicativas

As vezes me perguntam de onde tiro minhas inspirações ou pirações nas palavras que escrevo. Eu acho que é simplesmente em outros pretos ou outros brancos ou outras naturezas.

Mas o que importa mesmo , é o que realmente eu gosto , ou seja , vento , fogo , água , ou mais ainda: Terra. Não somente o planeta Terra ou Água como muitos dizem, mas a terra como o substantivo principal daquilos que pisamos no chão , ou seja : terra.

Eu me ensaboo com a terra , mergulho na terra , piso na terra e ela ainda assim , fica em cima de mim. Digo que é uma delícia, por que tudo fica tranquilo , sereno e ameno, e o resto é simplesmente resto , ou normalmente mais um motivo de inspiração.

domingo, 30 de maio de 2010

minha namorada

e ela de repente apareceu nua para mim
não pude resistir
a lua virou minha namorada

sábado, 22 de maio de 2010

consumo agua 
e ela  me consome
tem que ser assim
senão eu viro pedra
um caminho no meio da pedra.

sexta-feira, 7 de maio de 2010

Deus escreve serto por uma linha torta.

terça-feira, 4 de maio de 2010

Friozinho lá no fundo até que é baum
melhor ainda é sentir a felicidade do meu coração

domingo, 25 de abril de 2010

chuva de lágrimas

as gotas de outono pouco caem
mas minhas lágrimas sempre me satisfazem
sorrio enquanto durmo
e morro quando me acostumo

sinto dizer
que nem sempre sou feliz
mas adoro viver

sábado, 10 de abril de 2010

tudo de baum

hoje é dia de alegria
então ria sorria só ria
sem solidão
com a solução
um beijo
um abraço
ou um aperto de mão

sexta-feira, 2 de abril de 2010

EMOÇÕES

semana santa
são tantas , mas tantas emoções....

VIVA O REI ROBERTO CARLOS

quarta-feira, 31 de março de 2010

sétimo andar

Lua cheia
de saco cheio
cheio eu também estou
de alegria , amor e paz
para onde eu quero ir
para onde vou.

terça-feira, 30 de março de 2010

ascendências

um dia assim
um dia assado
só não posso
ficar voando aí parado

domingo, 28 de março de 2010

me udo

Tudo é tudo
nada é nada
mas tudo é nada
e nada é tudo

diante disso tudo
prefiro ficar mudo

quarta-feira, 10 de março de 2010

O primeiro filho

O MANÍACO DA CANETA

Há poemas meus que são tristes

Outros românticos

E a maioria sem sentido e contraditórios

Mas eles todos são maníacos

Exploradores de mim

Fazem-me escreve-los sem eu querer

Sofro muito com isso

Mas amo também

São só poemas

Mas são as grandes paixões da minha vida.